Todas as notícias

Santa Casa celebra “Agosto Dourado” com diversas atividades

Marcio Cleber

Publicado em 02 de AGOSTO de 2017 às 08h24



A Santa Casa de Misericórdia de Barbacena iniciou nessa terça-feira, 1º, o Agosto Dourado, um movimento de intensificação e incentivo ao aleitamento materno. A primeira atividade foi uma ação foi voltada para os dez passos do aleitamento materno. Toda uma decoração especial foi realizada na entrada principal dos funcionários, quando também foi distribuído um símbolo para que utilizem durante este período do Agosto Dourado. A programação continua no dia 25, com um curso voltado para as gestantes e as palestras acontecerão no anfiteatro da entidade.  No dia 31, acontece o Seminário de encerramento. 

Integra às ações da Santa Casa atividades voltadas para a amamentação. Suas primeiras ações acontecem no leito materno da obstetrícia assim que a mulher ganha seu bebê. As técnicas de enfermagem Rosemary Eva da Silva Lemos Medeiros e Sônia de Oliveira Silveira Goulart vão até as mamães e falam sobre a importância da amamentação, as vantagens tanto para a saúde do bebê quanto da mamãe; explica sobre a pega correta do bebê na hora de amamentar; o que fazer para ter bastante leite; o período de resguardo. Aproveitam também para ressaltar sobre a doação de leite materno, uma ação que tem ajudado a dezenas de bebês na UTI Neonatal da Santa Casa.

Para trabalhar todo este processo de incentivo ao aleitamento materno, a entidade criou o Comitê de Aleitamento Materno. Realiza também coleta de leite humano através do Projeto Amigos do Peito, quando busca as doações do leite na casa das mamães doadoras. Possui também o Banco de Leite, onde fica armazenado o leite para depois ir para pasteurização na Agência de Leite Materno em Juiz de Fora, retornando para ser ministrado aos bebês na UTI Neonatal.

A Santa Casa de Misericórdia é um hospital referência em materno infantil para os 51 municípios da Macrorregião Centro Sul, que possuiu uma população estimada de cerca de 740 mil habitantes. Uma entidade que conquistou o titulo de ‘Hospital Amigo da Criança’, que desenvolve diversas ações em prol da qualidade devida dos bebês.

A prática do aleitamento materno traz benefícios fisiológicos, psicológicos e sócio-econômico culturais tanto para a mãe quanto para o bebê. A amamentação, isoladamente, é a estratégia de maior impacto capaz de salvar a vida de cerca de 13% das crianças menores de 5 anos em todo o mundo por causas previníveis. O estímulo da amamentação exclusiva salva 6 milhões de crianças por ano.