Todas as notícias

Recém-nascido é transportado de helicóptero de Barbacena para a cidade de Passos

Marcio Cleber

Publicado em 09 de ABRIL de 2018 às 10h35



Uma corrida contra o tempo para ajudar um bebê de apenas dez dias. Com total dedicação da equipe que atua na Unidade de Tratamento Intensivo - UTI Neonatal da Santa Casa, juntamente com a direção técnica da entidade um bebê de apenas dez dias foi transportado para a Santa Casa da cidade de Passos, para uma cirurgia cardiovascular, uma vez que esta instituição realiza o procedimento.  Diante da fragilidade do pequenino, o transporte não poderia ser terrestre e foi ai que a busca constante da Santa Casa de Barbacena, junto ao SUS Fácil, conseguiu em um curto espaço de tempo uma vaga em um hospital e um helicóptero para a transferência do recém-nascido.

A conquista desse transporte se concretizou no final da manhã da última quinta-feira, dia 5, com o helicóptero da 2ª Companhia de Operação Aéreo do Corpo de Bombeiros de Varginha que esteve em Barbacena. O helicóptero pousou no trevo que fica perto do Parque de Exposição de Barbacena. Enquanto isso, uma ambulância com apoio do Samu seguiu para a Santa Casa para buscar o bebê. Toda a preparação e o retorno até onde estava o helicóptero durou pouco mais de uma hora, pois todo o processo foi trabalhando com um cuidado diferenciado, pois se tratava de um recém nascido. Até a ambulância em seu retorno foi mais lentamente. Era pouco mais das 13h quando o helicóptero decolou levando o bebê, momento de muita emoção para os pais e familiares e também de várias pessoas que por ali passaram e pararam para saber  do que se tratava. O helicóptero é uma aeronave preparada para este tipo de ação com a presença de médico e enfermeiro.

O bebê, de pais barbacenenses, nasceu na Santa Casa no dia 26 de março, pesando 2,880 kg e no segundo dia de vida foi detectado que era cardiopata e imediatamente foi levado para a UTI Neonatal, quando depois de todos os exames observou-se a necessidade de uma intervenção cirúrgica. Mas para que fosse transferido era necessário que o recém-nato tivesse uma estabilização hemodinâmica e o resultado positivo foi imediato com muita dedicação de toda a equipe.

Importante destacar que a Santa Casa de Misericórdia de Barbacena é um hospital ‘Amigo da Criança’ e uma referência para os 51 municípios da Macrorregião Centro Sul.