Todas as notícias

UTI Neonatal da Santa Casa: 16 anos em prol do prematuro

Marcio Cleber

Publicado em 13 de NOVEMBRO de 2018 às 08h48



Neste mês de novembro, mais precisamente no dia 17, comemora-se o Dia Mundial da Prematuridade. A Santa Casa de Misericórdia de Barbacena tem em sua estrutura funcional a UTI Neonatal com 16 anos a serviço de seres tão pequeninos, como são os bebês prematuros. Atende também crianças até 12 anos, que precisam de um tratamento intensivo. A implantação da UTI foi um grande ganho para todo o sistema de saúde dos 51 municípios que integram a Macrorregião Centro Sul, uma vez que a Santa Casa é referência para estas cidades na área de materno infantil.

Nestes 16 anos de existência, a UTI Neonatal já atendeu a quase 6 mil crianças, sendo a maior parte, bebês prematuros, causa maior da implantação desta unidade. Só neste ano, até o mês de outubro, foram 222. Com o surgimento da UTI Neonatal, além de trazer mais tranquilidade para os pais, pois os filhos passaram a ter um tratamento mais intensivo específico; também conseguiu reduzir e muito a taxa de mortalidade de prematuros, taxa esta que é baixíssima atualmente, resultado de um trabalho sério desenvolvido pela Santa Casa e a dedicação dos profissionais que nela atuam.

A UTI Neonatal tem 10 leitos sendo 8 para atendimento aos bebês prematuros e dois para o pediátrico para as crianças com até 12 anos de idade. Sua equipe multidisciplinar é composta por profissionais da enfermagem, técnico de enfermagem, médico, fisioterapêuta, nutricionista, fonoaudióloga, psicóloga, assistente social e da higienização.

Vários outros serviços estão envolvidos diretamente a esta UTI Neonatal, em prol principalmente do prematuro: o Método Mãe Canguro, o Banco de Leite Humano, a Casa da Gestante e o fallow up.